5.6.11

Cerveja não é igual em todo lugar do mundo

É comum no mundo do vinho certas frases como "Cuidado para não estressar o vinho", "Deixa ele respirar para ficar melhor". Com a cerveja podemos dizer que existes certas semelhanças. Um estudo da sobre a influência do transporte na qualidade da cerveja, foi publicado pelo Journal of Food Science. E o resultado comprova que cerveja na terra natal é melhor.


Tendo como referência a Guinness, quatro pesquisadores de diferentes países de origem viajaram pelo mundo durante 12 meses para coletar dados sobre as diferentes versões da pretinha irlandesa. Foram analisadas 103 provas em 17 pubs diferentes. Os pesquisadores visitaram 33 cidades e 14 países.

O principal resultado foi medido em uma escala de 0 a 100 e os melhores resultados foram encontrados na Irlanda. A nota média da Guinness no seu país de origem foi 74, enquanto que nos outros lugares o valor foi 57. A pesquisa foi publicada no Journal of Food Science é o primeiro estudo científico que comprova a teoria. No entanto, por algumas limitações no método utilizado, o estudo está sujeito à verificações posteriores.
 

Então, fica claro que se você quer tomar uma  cerveja de boa qualidade, minha opinião é tomar uma cerveja artesanal. Nada melhor que tomar a uma breja feita no conforto do lar.

Tudo pela ciência!

Nenhum comentário:

Postar um comentário