21.3.11

Artesanais x Industriais

Hoje uma das grandes empresas no ramo da cerveja é a nossa conhecida Ambev. Que durante vários anos dominou o mercado cervejeiro brasileiro. No entanto, essa historia está mudando.

No ano passado o consumo de cervejas artesanais foi superior ao consumo de cervejas industriais (proporcionalmente). Enquanto o mercado de cervejas industriais cresce à taxa média de 5% ao ano, o de cervejas artesanais cresce pelo menos 20%.

A ideia de uma cervejaria artesanal é a produção em menor escala visando um produto com grande qualidade. Em geral, as cervejas artesanais são feitas com ingredientes nobres e sem uso de conservantes. Malte de cevada é o principal ingrediente, sendo a única fonte de carboidratos na fabricação de cerveja artesanal

Uma das curiosidades das cervejarias artesanais é a preocupação em seguir certas regras. Tanto a lei de pureza alemã de 1516 que determina a fabricada da cerveja apenas com os seguintes ingredientes: água, malte de cevada e lúpulo. Como a lei da pureza Baviera de 1517 que determina a utilização de 100% malte na produção, da cerveja.

As cervejarias industriais normalmente utilizam apenas 50% de malte, acrescentando formas de açúcar em sua formulação, fazendo com que o custo de produção seja reduzido.

Com um processo mais custoso as cervejas artesanais comparadas as industriais são um pouco mais caras No entanto, você vai pagar por um produto de uma qualidade muito superior que vai lhe surpreender em cada gole.

Então quando for comprar uma cerveja pense nisso: Beber menos e beber melhor.

Um comentário:

  1. Muito bom. A mudança do blog foi para melhor!

    ResponderExcluir