8.12.10

Harmonização


Muito embora a cerveja, seja ótima sozinha quando acompanhada, acredite, ela fica ainda melhor. A harmonização de comidas e bebidas é um tema complexo. Vários fatores podem influenciar na sua avaliação. Um ambiente frio ou quente, a qualidade dos ingredientes, até a música pode influenciar na sua harmonização.

No entanto, mesmo com fatores que podem ser a favor ou contra o que conta, afinal, é o prazer experimentado, resultados das impressões que percebemos.

Assim, alguns conceitos são universais, na medida em que a maioria das pessoas –especialistas ou leigos – concorda com elas. Tal como ocorre com o vinho, existe algumas sugestões básicas para se combinar cerveja e comida.

Elas podem ocorrer por:
  • Semelhança = Pratos e cervejas com elementos comuns de doçura, acidez, tostados, amargos, entre outros.
  • Contraste = Pratos e cervejas com elementos contrastantes como, doçura e amargor, refrescância e picante, leveza e robustez.
  •   Equilíbrio = Pratos delicados com cervejas delicadas; Pratos robusto com cervejas robusta.
Também existem os estilos de cerveja que são indicadas para cada tipo de prato. Para comidas doces temos as Stout, Bock ou Poter. Para saladas cervejas leves ou com base de trigo. Massas uma sugestão são as tipo Large. As combinações são infinitas, então caro leitor use essas dicas como orientação e não como uma regra.Não hesite na hora de harmonizar sua cerveja favorita com seu prato favorito, o que importa é a sua satisfação!


Nenhum comentário:

Postar um comentário